Laguna Paron

Laguna Paron

27 de julho de 2022 0 Por Day Off Club

Omaior lago da Cordilheira Branca – uma cordilheira dos Andes coberta de neve no centro-oeste do Peru – e um lindo reservatório natural, Laguna Paron é um destino único para caminhantes, alpinistas e entusiastas da natureza.

Localizado dentro do Parque Nacional Huascaran e a 100 km ao norte da meca das caminhadas Huaraz, o lago de 17,1 milhas quadradas se distingue por sua impressionante tonalidade turquesa, resultado de altas concentrações de cal dissolvida. De suas margens, os visitantes podem apreciar vistas preciosas de picos formidáveis ​​cobertos de neve fresca (incluindo Artesonraju, o pico da pirâmide que muitos acreditam ter inspirado o logotipo da Paramount Pictures). 

Listada como Patrimônio Mundial da Unesco desde 1985, a Laguna Parón pode ser alcançada de carro ou a pé. Tendo chegado a este imponente corpo de água a 4185 metros acima do nível do mar, o ambiente sereno convida a meditar, escalar rochas, andar de caiaque ou até mesmo acampar perto das margens tranquilas.

Como chegar a Laguna Parón

A maioria das pessoas visita o lago como parte de uma excursão organizada saindo de Huaraz ou Caraz (a partir de S/50), pois a logística para chegar à Laguna Parón – seja de carro, caminhada ou combo – pode se tornar complicada. 

De Lima, Huaraz pode ser alcançado por uma viagem de ônibus de 8 horas (pegue um ônibus noturno para passar o tempo dormindo). Diversas empresas com escritórios espalhados pela capital oferecem o trajeto. Um dos mais recomendados é o MovilBus.

A cidade de Huaraz não é grande, e um pequeno passeio pela praça o levará a inúmeras ofertas de agências e guias locais para passeios de um dia inteiro na Laguna Parón. Certifique-se de que o guia que você contratar é certificado para Laguna Parón e espere pagar entre S/50-70 por pessoa para um passeio em grupo. Excursões respeitáveis ​​não saem antes das 7h30 ou 8h do dia seguinte, então reserve o primeiro dia em Huaraz para se aclimatar (a cidade fica a 3.052 m/10.013 pés acima do nível do mar). 

Se você quiser se aventurar na Laguna Parón por conta própria, precisará se deslocar de Huaraz a Caraz de “combi” (van de transporte público). O passeio de 45 milhas leva menos de duas horas e custa entre S/6-8 por pessoa. Essas vans saem durante todo o dia e podem ser encontradas na Jr. Cajamarca, a 10 minutos a pé ao norte da Plaza de Armas em Huaraz. 

Chegando em Caraz, encontre um táxi (não há aplicativos de carona aqui) que esteja disposto a levá-lo ao lago e espere até que você esteja pronto para voltar. Incluindo um tempo de espera de 2-3 horas, uma corrida de táxi de ida e volta custará entre S/150-180. O passeio acidentado leva quase duas horas. 

Caminhando para Laguna Paron

Aqueles em forma física e com aclimatação adequada à altitude podem caminhar até a Laguna Parón da cidade de Parón, um passeio combinado S/8-10 de Caraz. A caminhada de 13 quilômetros pode levar de três a cinco horas, dependendo da resistência, pois é bastante íngreme e rochosa.

Esteja avisado: as placas ao longo da rota são poucas e distantes entre si, outro motivo para contratar um guia local. Aplicativos como o Maps.me podem ser úteis na navegação da rota mesmo sem uma conexão de dados ou wi-fi.

Os trekkers que desejam retornar a Caraz no mesmo dia devem retornar à cidade de Parón antes das 15h, quando a última van sai, ou devem coordenar um táxi para esperar na entrada do parque.  

O que fazer em Laguna Parón

O lago continua a promover atividades aquáticas, apesar de seu nível de água ter baixado de 75 metros para 15 metros em meados da década de 1980 para evitar o colapso da morena de Huandoy. Você pode alugar um caiaque e navegar pelas águas calmas e geladas por meia hora (S/20). As famílias podem estar interessadas em fazer um passeio de barco, embora seja mais caro e dure muito menos tempo (S/10 por pessoa e apenas 15 minutos).

Os alpinistas encontrarão um desafio na Torre de Parón, conhecida como Esfinge. Existem pelo menos 13 rotas de parede no monólito de granito. 

Faça uma caminhada fácil até o mirante, o Mirador. Esta caminhada de 30 a 40 minutos é bem marcada e leva a uma vista privilegiada (e muitas oportunidades para fotos) do lago azul-turquesa. Mas não se apresse enquanto você avança em altitude.

Procurando aproveitar ao máximo seu tempo em Laguna Parón? Os campistas são bem-vindos e podem acampar sem taxa, embora não haja comodidades ou equipamentos disponíveis no local. Você precisará trazer uma barraca, um saco de dormir quente, muitas camadas e toda a sua comida. No dia seguinte, não deixe de levar tudo com você, incluindo o lixo, é claro, para continuar preservando essa joia natural intocada.

Ingressos e outras praticidades

  • Os ingressos para o lago podem ser comprados assim que você chegar ao Parque Nacional Huascaran. A taxa de entrada é S/5.
  • Compre comida e água em Huaraz ou Caraz, o que for a cidade/vila final antes de seguir para o lago, pois não há garantias de encontrar vendedores em Laguna Parón.
  • A melhor época para visitar é entre abril e setembro, quando está mais ensolarado e seco nos Andes.
  • Tire um dia ou dois em Huaraz ou Caraz para se aclimatar à alta altitude. O lago está localizado a mais de 4.000 metros acima do nível do mar, e correr para o topo pode resultar em doenças estomacais ou dores de cabeça extremas.
  • As opções de restaurantes em Caraz são escassas, embora La Peña del Gordo seja um local privilegiado para experimentar os sabores locais, incluindo charqui , uma carne desidratada tipicamente bovina ou alpaca.
  • Tenha muitos soles peruanos à mão, pois todos os transportes, restaurantes e taxas de entrada são pagos em dinheiro e não com cartão bancário.